Planos de mudança

Sempre que o ano começa, as promessas e desejos do ano anterior ficam para traz. O interesse em mudar, adquirir novos hábitos e conquistas, como um apartamento, um carro ou mesmo conhecer um local novo, entram no plano do esquecimento e, muitas vezes, só serão lembrados no próximo Réveillon.

Mudar requer mais do que vontade, desejo ou sonho. Sonhar, desejar faz parte da vida, mas é preciso suor para realizar. Tenho uma fórmula que quando seguida funciona muito bem. O mais difícil é conseguir seguir cada etapa.

Felicidade = Expectativa – Realidade

Podemos definir “expectativa” como ter sonhos e objetivos, mas não trabalhar para realizá-los. Isto é certeza de frustração.

Chegar ao fim do ano, olhar para sua lista e ver que nada mudou frustra e diminui a sua energia para conquistar os seus objetivos no próximo ano.

Para mudar, mais importante do que fazer planos é edifica-los para execução. Toda maratona começa com o primeiro passo. Todo objetivo precisa ser divido em pequenas metas, de maneira que possa diariamente, semanalmente e mensalmente ir percebendo e contabilizando as conquistas, mas, principalmente, ajustando o caminho diante dos obstáculos que por ventura surgirem.

Cair e errar faz parte do percurso, mas não devemos cometer os mesmos erros várias vezes e nem deixar de fazer algo para evitá-los. Tudo faz parte do processo de mudança.

O que também funciona bem é compartilhar com alguém os seus planos. Assim, é possível ganhar adeptos, dividir as dúvidas e receber incentivo. Faça seus planos, escolha respeitosamente suas metas e caminhe um passo a cada dia.

Coloque aquela lista de desejos e sonhos escritos no fim do ano em exercício! Assim, você conseguirá os efeitos e todos poderão notar as diferenças em seu comportamento.

Faça planos e coloque-os em prática.