Repetição

Na semana anterior, falamos de como nosso cérebro aprende, que a aprendizagem pode ocorrer de duas maneiras. Por repetição e por emoção. Iremos hoje tratar da repetição, uma vez que esta é a que mais se apresenta no nosso dia a dia.  A repetição nos possibilita testar, experimentar e é…

Na semana anterior, falamos de como nosso cérebro aprende, que a aprendizagem pode ocorrer de duas maneiras. Por repetição e por emoção. Iremos hoje tratar da repetição, uma vez que esta é a que mais se apresenta no nosso dia a dia. 

A repetição nos possibilita testar, experimentar e é por isso que precisamos nos arriscar, colocar-nos à prova, ir à luta. São sempre as pessoas que mais se arriscaram ou mais viveram que possuem maior fonte de experiência para ensinar. A repetição fortalece a musculatura e possibilita a utilização imediata do conteúdo. O aprendizado ao qual nos referimos aqui é bastante amplo. Começa com o simples caminhar: quanto mais caminhamos, mais somos firmes. Repare uma criança dando os primeiros passos.

Sendo assim, pratique muitas vezes, repetidamente. E, lembre-se, o importante é saber que, se não fizer, nunca irá aprender, e muito menos ganhar a possibilidade de avançar. Só conseguimos correr depois de andar muito, nós nos tornamos doutores depois de graduarmos. O caminho é igual para todos, basta trilhar e fazer a sua diferença!