Estamos na UTI, mas tem cura.

Os momentos vividos pelos profissionais no Brasil têm trazido muitos problemas emocionais, como depressão e outras doenças provenientes do estresse. O último estudo do gerenciamento do estresse mostra a triste estatística: o Brasil registra um suicídio a cada 30 minutos. Essa afirmação nos mostra que precisamos atuar como numa UTI….

Os momentos vividos pelos profissionais no Brasil têm trazido muitos problemas emocionais, como depressão e outras doenças provenientes do estresse. O último estudo do gerenciamento do estresse mostra a triste estatística: o Brasil registra um suicídio a cada 30 minutos. Essa afirmação nos mostra que precisamos atuar como numa UTI. E você sabe o que significa essa sigla? Unidade de Tratamento Intensivo é um local onde não se pode perder o foco, é preciso monitorar todos os sinais e ir avaliando cada indício de melhoria. Com os resultados sendo coletados, vão aumentando e/ou diminuindo as dosagens de antídotos para a melhoria contínua do quadro.

E você ? Ainda está olhando sem nenhuma atitude? Está aguardando mais o que acontecer para agir?

Brasil, você, sua empresa, todos nós precisamos nos colocar numa UTI e acreditar na melhoria. Acreditar, mas com ações específicas e bem direcionadas, ou melhor, monitoradas para uma recuperação rápida. Existem muitas atitudes a serem tomadas. No entanto, cada um deve cuidar do seu quintal, pensar no que poderá fazer hoje e a cada dia para dar seguimento ao seu projeto de vida.

Possuímos muitos recursos, além de aprendizado, para compreender a cura. As tendências econômicas não sinalizam melhorias rápidas, mas internamente temos um caminho muito grande ainda para percorrer e todos juntos chegaremos  à recuperação almejada. É preciso educar, ensinar, procurar novas formas de fazer e principalmente aprender com todas as experiências que temos nos outros países. Procure cuidar de seu caminho, não deixe seu desejo se perder ou diminuir por qualquer crise.

Cuide de seu corpo e mente, avalie seu conhecimento, seus sentimentos, procurando mantê-los sempre saudáveis e prontos para agir em busca de outras conquistas. Use a disciplina de um atleta que treina quatro anos para uma única prova. Use a precisão de um atirador de elite para atingir seu alvo, a sabedoria de um monge para saber esperar e ouvir os sinais do seu corpo e de sua mente. Sintonize e sincronize tudo isso em seu caminho. Se não deu certo, é porque ainda não é o final da linha, ainda tem mais caminho para trilhar.

Quando sabemos equilibrar, podemos tudo, conseguimos o que queremos, os sucessos maiores são alcançados por uma bela e sistemática determinação, a realização. Cada dia é uma vitória, é um passo no seu caminho, aproveite todos, cada um deles, e crie o futuro que deseja ter. Saia da UTI, cuide de sua alta!


 

Reflexões