Você conhece sua equipe?

Um líder bem sucedido é aquele que é seguido, referenciado e respeitado pelos subordinados. Na verdade, subordinado não é a melhor denominação, o melhor termo seria “seguidores”, pois aquele que segue o faz por vontade própria, sem necessidade de alerta ou recompensa. Geralmente quem segue é aquele que possui ações…

Um líder bem sucedido é aquele que é seguido, referenciado e respeitado pelos subordinados. Na verdade, subordinado não é a melhor denominação, o melhor termo seria “seguidores”, pois aquele que segue o faz por vontade própria, sem necessidade de alerta ou recompensa. Geralmente quem segue é aquele que possui ações e pensamentos coerentes com os seus.

Isso tudo acontece com lideranças políticas e religiosas, que, em sua maioria, são ideológicas. Numa empresa também faz-se necessário um líder ter conduta e pensamentos coerentes com os valores da empresa que representa. No entanto, o mais importante diz respeito ao conhecimento que o líder possui de sua equipe e à sua proximidade com ela. Quanto maior essa proximidade, melhor.

Mas, como conhecer verdadeiramente uma equipe? É necessário uma boa avaliação! Avaliar significa conhecer, mas não menosprezar ou julgar.

O julgamento geralmente é o que mais acontece, uma avaliação unilateral e parcial, na qual o gerente avalia o subordinado por uma percepção e/ou um sentimento primeiro e imediato: do simples gostar ou não. Para o conhecimento do outro é necessária a escuta, e não a fala, controvérsia certa ainda entre muitos gerentes, que preferem, muitas vezes, a fala. Dizer o que pensa ou acha a respeito de qualquer pessoa não significa conhecê-la e, sem conhecê-la, será muito difícil que um líder consiga contribuir para o desenvolvimento do seu liderado.

Instituir um espaço de feedback aberto e com ampla expressão da autoavaliação do subordinado aproxima e amplia o respeito. Segundo os mais recentes estudos, ser congruente com os valores do líder é o que mais aumenta a produtividade de uma pessoa.

Existem muitas ferramentas institucionais para avaliar sua equipe: avaliação de potencial com testes psicológicos, pesquisa de clima, avaliação de desempenho 180 ou 360, dentre outras. O que, na maioria das vezes, apoia, mas não sustenta a relação de proximidade, é necessário a escuta ativa e o carisma para utilizá-las.

Conhecer sua equipe, utilizar todas as competências de seus liderados é a única maneira de ser reconhecido como um líder desenvolvedor de pessoas. Procure conhecer sua esquipe e crescer junto com ela!